• Luiza Horning

É possível a venda de bens imóveis durante o processo de inventário?



Sim. É possível a venda de bens imóveis durante o processo de inventário.


Todavia, para que seja possível compreender a possibilidade, cabe lembrar que a partir do momento em que há o falecimento de uma pessoa, os seus bens são transmitidos aos herdeiros de acordo com a ordem legal de sucessão hereditária.


Sendo assim, todos os bens que compõe a herança, passam a ser dos herdeiros, em regime de condomínio (ou seja, de forma indivisível, até que a partilha seja efetivada).


A venda, portanto, de bens imóveis durante o inventário poderá ocorrer desde que todos os herdeiros concordem com ela.


Desse modo, havendo o consenso, deverá o inventariante do processo justificar a alienação e solicitar autorização ao juiz que, deferindo o pedido, irá expedir um alvará para que a transferência de propriedade possa ser realizada, conforme o disposto no artigo 619 do Código de Processo Civil.


Haverá a incidência de tributos quando da alienação?


Sim, ainda que o processo de inventário não esteja finalizado, os tributos incidentes serão devidos normalmente, como por exemplo, o ITCMD (imposto de transmissão causa mortis e doação).


Há necessidade de contratar um advogado para auxiliar na alienação?


O papel do advogado nesta modalidade de transação é de extrema relevância não só para auxiliar diretamente na alienação e na parte contratual, como também para verificar eventuais dívidas ou restrições que possam vir a afetar o bem.


Por que muitas pessoas optam pela alienação de imóveis durante o inventário?


A alternativa da alienação é muito comum durante o processo de inventário a fim de pagar os custos do próprio processo. Portanto, há diversos casos em que os herdeiros optam por vender determinado bem a fim de suprir com os custos.


Ou, ainda, diante dos gastos de manutenção do imóvel (IPTU, condomínio, entre outros) e tributos incidentes ao longo do processo de inventário (que pode demorar), muitos herdeiros buscam alugar os imóveis existentes na herança para suprir tais valores.


Gostou do conteúdo? Ficou com alguma dúvida?

Entre em contato conosco!


Podemos conversar por meio dos seguintes e-mails: horningadv@gmail.com ou vieiroadv@gmail.com ou, ainda, pelo Instagram: @vieiroehorningadv.

7 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo